Venda do Chelsea por 4,25 bilhões de euros é aprovada pela Premier League

A venda do Chelsea para o consórcio liderado pelo empresário Todd Boehly, por 4,25 bilhões de euros, o equivalente a R$ 25,8 bilhões, foi aprovada nesta terça-feira (24) pela Premier League. Para o negócio ser fechado de vez, no entanto, ainda será necessário o aval do governo do Reino Unido, responsável pela licença de venda. O acordo foi firmado no início deste mês, mas ainda precisa cumprir essa burocracia. O valor será depositado em uma conta bancária do Reino Unido, congelado e doado para causas de caridade. O Chelsea receberá um investimento de 1,75 bilhões de euros. Para dar o aval, o governo do Reino Unido precisa garantir que nenhum dos rendimentos da venda irá para o bolso do oligarca russo Roman Abramovich, antigo proprietário do Chelsea. A tendência é que a venda seja formalizada de vez ainda nesta semana.Bahia Noticias

Deixe uma resposta