Veículos que fazem transporte clandestino são apreendidos em Rafael Jambeiro, Nova Itarana e Jequié

Treze veículos clandestinos foram apreendidos nas praças de pedágio da BR-116 nas cidades baianas de Rafael Jambeiro, Nova Itarana e Jequié. A informação é da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) responsável por uma operação realizada na região entre terça-feira (15) e sexta (18), com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A operação teve como objetivo o combate ao transporte clandestino interestadual de passageiros. Além dos 13 veículos apreendidos, foram realizadas 24 abordagens, 25 autos de infração e 297 passageiros foram transferidos para outros ônibus para seguirem viagem em veículos regulares.

As principais irregularidades encontradas foram para-brisas trincados, extintores de incêndio vazios e vencidos, condutores sem vínculo empregatício, ausência de identificação das saídas de emergência e execução de serviços de transporte de passageiros sem autorização prévia.

A ANTT alerta sobre os perigos de utilizar o transporte clandestino de passageiros. É comum encontrar no transporte clandestino, motoristas que não possuem treinamento, cumprem jornadas exaustivas de trabalho e os veículos são precários, geralmente apresentando péssimo estado de conservação e manutenção, o que aumenta a letalidade dos acidentes envolvendo esse tipo de transporte.

A ANTT informou ainda que os passageiros que optam pelo transporte clandestino ficam expostos, pela não adoção das determinações vigentes de higienização dos veículos o que causa risco de infecção pelo novo coronavírus. Tribuna do Recôncavo

Deixe uma resposta