Ricardo Lima promete ‘mudanças’ na FBF e quer implementar Série C do Baiano

Reeleito por aclamação à presidência da Federação Bahiana de Futebol (FBF), Ricardo Lima prometeu mudanças em seu próximo mandato na entidade, que começa em janeiro de 2023. Ao todo, ele ficará por mais quatro anos à frente do órgão que coordena o futebol baiano. Entre os projetos, está a implementação da Série C do Campeonato Baiano em 2023, já aprovada em reunião com os clubes (lembre aqui). "Temos alguns planos e mudanças, principalmente com a implementação de uma Série C. Hoje ela já é regulamentada, mas precisamos construir isso com pilares que nos deem sustentação. Esse mandato se encerrará em janeiro de 2023, e faremos um novo coquetel de posse, uma nova assembleia, para que a gente possa apresentar o que ficou acertado. Ao tomarmos posse em janeiro, imprensa e filiados conhecerão todo o plano de governança", contou, em entrevista ao Bahia Notícias. O mandatário destacou que, apesar da pandemia, conseguiu executar "70% do que foi projetado". "Tudo isso porque tivemos apoio dos nossos filiados, comprometimento, e principalmente compreensão. E diria um pouco mais: o ano de 2022 tem sido um marco. Nós conseguimos, nesses últimos cinco meses, implementar as maiores ações que projetamos para a FBF. Aí está a Série B com 12 clubes, a Série A com dois rebaixamentos, a primeira fase do Baianão toda paga pela federação…", destacou. Entre os projetos futuros, Ricardo Lima já anunciou que pretende implementar o VAR na Série B do Baianão, e oferecer um carro 0 km para o campeão da competição (veja aqui).Bahia Noticias

Deixe uma resposta