Presidente da Juazeirense já esperava um adversário ‘pauleira’ na Copa do Brasil

A Juazeirense vai enfrentar ninguém menos do que o Palmeiras, um dos clubes mais ricos do futebol brasileiro no momento, na terceira fase da Copa do Brasil. No entanto, por estar ciente dos integrantes do pote 1, de onde sairia o adversário, o presidente do Cancão de Fogo, o deputado estadual Roberto Carlos (PDT), já esperava por uma "pauleira" pela frente. "Sabemos que qualquer que a gente pegasse seria uma pauleira, uma dificuldade imensa, porque todos do pote 1 são clubes de Série A, com exceção do Bahia. Mas estamos preparados, que venha o Palmeiras, o Flamengo, o Bahia, qualquer um. A gente já tinha consciência que seria um grande clube e vamos enfrentar", declarou em entrevista ao Bahia Notícias. No entanto, apesar de ciente da superioridade técnica do Verdão, Roberto Carlos não quer ver o Cancão de Fogo temendo o adversário. Inclusive, ele acredita que o time baiano pode surpreender no confronto. "Vamos enfrentar jogando sem temer, mesmo sabendo do peso da camisa do Palmeiras, respeitando, mas não temendo. Quem sabe buscando fazer um jogo de inteligência lá em São Paulo e trazer o resultado para definir em Juazeiro", completou. A Confederação Brasileira de Futebol ainda não definiu as datas dos dois jogos do confronto. Porém, os mandos de campo já estão definidos, sendo o primeiro do Verdão. Enquanto a decisão será no local escolhido pelo Cancão de Fogo. Na edição da Copa do Brasil de 2021, a Juazeirense fez uma campanha história chegando pela primeira vez nas oitavas de final. O Cancão de Fogo foi eliminado pelo Santos, pelo placar agregado de 4 a 2. Após ser goleado no primeiro jogo, na Vila Belmiro, o time baiano venceu o Peixe por 2 a 0, no Adautão.Bahia Noticias

Deixe uma resposta