Ossada de Leandro Bossi é achada 30 após desaparecimento no Paraná

A ossada de Leandro Bossi, que desapareceu em Guaratuba, no Paraná, há 30 anos, foi achada e identificada, confirmou nesta sexta-feira (10) o Governo do Estado. A análise genética apontou que se tratam dos restos mortais de Leandro.

O garoto desapareceu aos sete anos, em 15 de fevereiro de 1992. O sumiço foi dois meses antes de Evandro Ramos Caetano, com 6 anos, também desaparecer em Guaratuba. O inquérito do caso Bossi nunca foi concluído. A história dos dois meninos foi contada no podcast Projeto Humanos: Caso Evandro, comandado por Ivan Mizanzuk, que depois virou série na Globoplay.

A análise aponta 99,99% de compatibilidade da mostra com o material coletado da mãe de Leandro.

O ecretário de Segurança Pública, Wagner Mesquita, fala do caso em coletiva nesta sexta.

Correio 24hs

Deixe uma resposta