Netflix vai lançar mais de dez produções nacionais até o fim do ano

Lucy Alves e Emanuelle Araújo estão em produções da Netflix

A Netflix anunciou um pacote de mais de dez produções nacionais que estreiam até o fim deste ano no streaming. Tem novas temporadas de séries como Irmandade e Cidade Invisível e continuações de filmes como Ricos de Amor. Mas há também muitas novidades, como a série Maldivas, com Bruna Marquezine, e um documentário sobre os Racionais MCs.

A continuação de Cidade Invisível já está sendo produzida, em Belém, no Pará. O diretor-geral é Luis Carone e Graciela Guarani é a diretora-assistente. "É importante poder reconhecer, valorizar e respeitar o que a gente tem aqui no país. E não só por meio da técnica, da produção, mas de uma narrativa coerente, que faça sentido. O que toca o público? O que nos faz refletir? Este diálogo é extremamente necessário", diz Graciela. A primeira temporada era dirigida por Carlos Saldanha, de A Era do Gelo.

O documentário sobre os Racionais, mais importante grupo de rap da história do país, é dirigido por Juliana Vicente, o filme trará entrevistas e cenas exclusivas, gravadas ao longo dos mais de 30 anos de carreira, além de mostrar o impacto e o legado dos músicos desde os primeiros shows pela cidade. Juliana já dirigiu uma temporada do programa Espelho no Canal Brasil, é a fundadora da Preta Portê Filmes, produtora que prioriza questões ligadas à diversidade racial e de gêneros.

A série Maldivas tem um elenco com estrelas jovens, como Bruna Marquezine, Carol Castro, Sheron Menezzes e Manu Gavassi. Bruna interpreta Liz, uma mulher que se muda, vinda de Goiás, para tentar desvendar o assassinato de sua mãe. "Maldivas fala de um universo muito particular, que são esses condomínios de luxo na Barra da Tijuca, com tudo dentro – as pessoas não precisam sair de lá para nada", diz Natália Klein, também roteirista da produção.

A baiana Emanuelle Araújo está no thriller psicológico Olhar Indiscreto, também estrelado por Débora Nascimento. No filme, uma voyeur e hacker habilidosa tem como rotina espiar pela janela a vida de uma garota de programa de luxo que mora no prédio em frente. Lucy Alves está na série Só Se For Por Amor, que buscou na "sofrência" do sertanejo a inspiração para contar a história de amor de Deusa (Lucy Alves) e Tadeu (Felipe Bragança).

Correio 24hs

Deixe uma resposta