Netflix adquire ‘Monkey Man’, filme que marca estreia de Dev Patel na direção

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A Netflix adquiriu os direitos mundiais do filme “Monkey Man”, que marca a estreia do ator britânico, Dev Patel, 30, como diretor. Segundo o site Variety, acredita-se que o serviço de streaming tenha pagado cerca de U$ 30 milhões pela produção, o que equivale à cerca de R$ 166 milhões na cotação atual.

O acordo de direitos exclui algumas regiões como Espanha, América Latina, Islândia, Antiga Iugoslávia, Polônia, Rússia e Estados Bálticos, Hong Kong, Indonésia, PTV pan-asiático e China, onde há negócios pré-existentes.

O filme é ambientado na Índia e Patel interpreta um “herói improvável” que sai da prisão para enfrentar a ganância corporativa, e corrompe seus valores espirituais na busca por vingança daqueles que roubaram tudo o que ele tinha.

O roteiro é de Patel, Paul Angunawela, que também esteve em “Keith Lemon: O Filme” (2012), e John Collee, co-escritor de “Atentado ao Hotel Taj Mahal” (2018), também estrelado pelo ator. Além disso, o elenco tem nomes como Sharlto Copley, de “Distrito 9” e Sobhita Dhulipala, de “Ghost Stories”.

“Monkey Man” é coproduzido por Bron Studios (“Pieces of a Woman”, 2020) e Thunder Road Pictures (“John Wick”). Além disso, tem associação com a Creative Wealth Media (“O Mistério de Candy Man”, 1992). O filme será lançado pela Netflix em 2022.

“Estou muito feliz por fazer parceria com a Netflix nesta aventura”, disse Patel. “Espero que seja uma nova adição ao gênero em um momento nesta indústria em que minha história pode se tornar nossa história”, disse o artista.

“Rodar um filme durante uma pandemia foi um grande desafio, para dizer o mínimo, mas a oportunidade de reimaginar histórias da minha infância e infundí-las com meu amor pelo cinema de ação foi uma alegria absoluta. Um grande amor a Basil Iwanyk e Erica Lee por nos defenderem desde o início e Aaron Gilbert e a equipe do BRON por dar uma voz a um cineasta não comprovado como eu”, concluiu.

Apesar de estar estreando como diretor, Patel já foi indicado ao Oscar para a categoria de melhor ator coadjuvante por “Lion – Uma Jornada Para Casa” (2016). Também é conhecido por filmes como “Quem Quer Ser Um Milionário?” (2008) e “The Personal History of David Copperfield” (2019).

Deixe uma resposta