“Não dou motivo para a Polícia Federal ir atrás dos meus ministros”, diz Bolsonaro

Declaração do presidente é dada um dia após o próprio ter dito que acabou com a Lava Jato pois em seu governo não há corrupção.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta quinta-feira (8), que não dá à Polícia Federal motivos para investigar quaisquer dos ministros do seu governo. Durante cerimônia de formação de agente, escrivão e papiloscopista da Polícia Federal, na Academia Nacional de Polícia, em Brasília, ele afirmou que está cumprindo compromisso de campanha.

“Não tenho dado motivo para a PF ir atrás dos meus ministros, diferentemente do que acontecia no passado. Isso é um compromisso nosso não apenas verbal ou de campanha, [mas que] vem se comprovando na prática essa forma de trabalhar”, afirmou o presidente.

“Nós temos o compromisso de combate à corrupção e eu tenho colaborado com a PF, ajudando bastante ao escolher ministros não por critério político ou por apadrinhamentos, mas por critério de competência”, continuou Bolsonaro. Varela

Deixe uma resposta