Morar Melhor reforma 200 imóveis em Campinas de Pirajá

A comunidade de Campinas de Pirajá está sendo beneficiada com a reforma de 200 casas em situação precária, através do programa Morar Melhor. O andamento da iniciativa foi acompanhado de perto pelo prefeito Bruno Reis nesta segunda-feira (21), na Travessa Simone, uma das localidades onde os imóveis passam por intervenções. Também estiveram presentes a vice-prefeita, Ana Paula Matos, o secretário de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Luiz Carlos de Souza, e diversas lideranças municipais.

Somente em Campinas de Pirajá, das 200 residências, 174 já foram reformadas ou estão com obras em andamento, e outros 26 imóveis estão com o início das intervenções programado. Na ocasião, o prefeito Bruno Reis destacou que, dentre todos as iniciativas da Prefeitura, o Morar Melhor é um dos que mais o emociona.

"Este programa resgata a dignidade e reforça a autoestima das pessoas. É em nossa casa que recebemos amigos e vizinhos para um café. E não adianta reformar as ruas, a iluminação, dar saneamento, se em casa as pessoas não têm condições dignas de moradia”, declarou.

O programa significou uma verdadeira transformação da vida de Hilda Sena de Andrade, 55 anos, que trabalha como copeira e reside na comunidade há 37 anos, 14 destes no imóvel reformado, onde divide espaço com duas filhas e dois netos. "Quando chovia, molhava tudo. Estragava as paredes. Com o Morar Melhor, mesmo com chuva não houve infiltrações nem outros problemas. Estamos gostando bastante e trouxe uma grande reforma para nossa casa. Eu gostei bastante”.

“Pessoas como a D. Hilda não teriam condições de fazer uma reforma assim, com o salário que recebe. Então, é possível perceber que esta é uma obra que, além de mudar a cidade, transforma para melhor a vida dos cidadãos”, completou o prefeito.

Há anos convivendo com goteiras e más condições sanitárias, a autônoma Alaíde Cardoso, 72 anos, mora no local desde 2017, e agora teve a casa contemplada com a troca de telhado pelo Morar Melhor. “Graças a Deus está tudo maravilhoso agora. Cheguei a perder dois guarda-roupas devido à infiltração aqui em casa. Pra gente, que não tem condições de fazer uma coisa dessas, o programa chegou em boa hora”, relatou.

Balanço
Desde o lançamento, em 2015, o programa Morar Melhor já reformou 35.078 casas em mais de 200 localidades da capital baiana. Apenas neste ano o programa habitacional já contemplou 100 imóveis em Sussuarana, 100 em Vila Canária, 132 casas na Baixa de Quintas e ainda mais 100 residências em Pau Miúdo.

Considerado o maior programa de requalificação residencial do Brasil, o Morar Melhor tem como objetivo resgatar a cidadania e a autoestima da população contemplada. A ação é desenvolvida sob a coordenação da Seinfra.

A seleção dos imóveis é feita de acordo com critérios técnicos do programa, como locais com maior número de casas sem alvenaria ou revestimento; residências que possuem moradores abaixo da linha de pobreza (renda per capita inferior a R$85/mês); e que tenham predominância de mulheres chefes de família.

Os serviços que são executados em cada residência são escolhidos em conjunto com os beneficiados. Podem ser executados os serviços de pintura, reboco, recuperação ou troca de telhado, troca de esquadrias (portas e janelas) e instalação de louças sanitárias. O valor estimado da obra em cada unidade é de até R$7 mil.

Fonte: Correio 24hs

Deixe uma resposta