Megaoperação: polícia apreende carro avaliado em R$ 100 mil em Salvador

Um dos alvos prioritários da Operação Balden teve o mandado de prisão e de busca e apreensão cumprido no bairro de Piatã, nesta quinta-feira (5). Segundo a Polícia Civil, com ele foi aprendido um veículo de luxo avaliado em mais de R$100 mil.

De acordo com o delegado Adriano Lobo, o homem é operador financeiro da quadrilha. “Ele gerenciava as finanças do tráfico da organização criminosa. Também gerente dos dois líderes, os quais serão inseridos no Baralho do Crime da SSP”, detalhou.

Ao todo, 13 pessoas já foram presas durante a operação nesta quinta. As ações acontecem em Pernambués, Piatã, Águas Claras e Cajazeiras pela Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar.

Materiais também foram apreendidos durante a operação, como uma escopeta calibre 12 e um colete balístico.

Abordagens
Na ocupação no bairro de Pernambués, diversas abordagens estão sendo realizadas através de barreiras nas principais vias de acesso ao bairro. No trecho da Madeireira Brotas, policiais militares revistavam carros, motos e até as pessoas. "A intenção é evitar que suspeitos entrem ou saiam daqui", disse um dos policiais.

Na Rua Santa Verusa, agentes do Draco, do COE da Polícia Civil e policiais militares também revistam quem passava pelo local. "Estavam parando as motos", relatou uma senhora de sua varanda. "Eles chegaram umas 7h", emendou. Ela disse que não viu ninguém ser conduzido. "Pelo menos por aqui não. Deve ser porque essa região aqui é tranquila. Ficamos até surpresos. Por aqui não tem problema algum. As pessoas são de bem", disse.

Operação
As ações em campo são desenvolvidas por 600 policiais civis e militares dos Departamentos de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), de Inteligência Policial (DIP), de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), de Polícia Metropolitana (DEPOM), de Crimes Crimes Contra o Patrimônio (DCCP), Coordenação de Operações Especiais (COE), da Superintendência da Inteligência (SI) da Secretaria da Segurança Pública (SSP).

A Polícia Militar apoia as ações por meio da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE-Polo), Rondesp Central, Tático Ostensivo Rodoviário do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (TOR/BPRv), Companhia de Intervenção Prisional (CIRP) do Batalhão de Guarda da PM, Companhia de Patamo do Batalhão de Choque (BPChq) e Companhia de Polícia de Proteção Ambiental (COPPA), Batalhão Especializado de Policiamento de Eventos (Bepe), Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer), Coordenação de Operações de Inteligência (CoordOInt) e Setor de Operação de Inteligência (Soint) do Comando de Policiamento Regional Central e a 1a Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) e outras companhias de área.

Correio 24hs

Deixe uma resposta