Maria Beltrão diz ter pesadelos com o ‘É de Casa’

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Ansiosa é pouco. Com 25 anos de serviços prestados ao jornalismo da GloboNews, Maria Beltrão confessa que está morrendo de medo de assumir o É de Casa (Globo), a partir do dia 9 de julho. "Estava na minha área de conforto e sinto borboletas no estômago como quando entrei pela primeira vez na Globo. Confesso que tenho pesadelos há um mês", contou, em entrevista coletiva.

Maria migra para a área de entretenimento da emissora e vai dividir o estúdio do matinal ao lado de Talitha Morete, Thiago Oliveira e Rita Batista. O jeito espontâneo da apresentadora faz sucesso na cúpula da emissora e entre os espectadores, e parecia questão de tempo vê-la em outras áreas.

Mesmo no jornalismo, teoricamente um reduto de profissionais mais "sérios", Maria e suas reações divertidas viralizam em vários momentos, como no dia em que disse, no ar, ter sido excluída do bolão da Mega Sena da Virada dos colegas de emissora. "Não estou nem aí. Ninguém me chamou pro bolão… Não ganhamos", brincou.

O senso de humor (ou seria star quality?) também costuma dar as caras em suas participações na cobertura das cerimônias do Oscar, quando alia informações a boas tiradas, comentários pertinentes -e também algumas gafes, que ninguém é de ferro. É por aí que passa a insegurança da jornalista em relação ao seu novo trabalho.

Espero que as pessoas tenham paciência comigo. Já sonhei que me queimava, que atolava a cozinha do É de Casa e que serei uma catástrofe", disse, em tom de brincadeira. Para Maria, o importante, neste caso, é "ter coragem para ser imperfeita", não levar-se tão a sério. "Espero levar leveza, mas vou fazer muita besteira. A coisa toda é errar e levantar", define.

Noticias ao Minuto

Deixe uma resposta