Grêmio avalia mudança do GreNal para Fortaleza e busca minimizar desgastes com viagens

O Grêmio está considerando alterar o local do clássico GreNal do primeiro turno, previsto para a 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, onde será mandante. O objetivo do clube é levar o clássico para o nordeste, mais precisamente em Fortaleza, na Arena Castelão, como forma de reduzir o desgaste com viagens e amenizar os prejuízos causados pelos temporais no Rio Grande do Sul. A ideia inicial era de que o Rio de Janeiro, mais especificamente o Maracanã, fosse o destino provável. No entanto, devido ao compromisso anterior do Imortal contra o Leão do Pici, a Arena Castelão se tornou uma opção mais viável. O tricolor gaúcho já adotou essa abordagem em compromissos marcados para Curitiba, incluindo jogos contra The Strongest e Estudiantes pela Libertadores, além de um confronto contra o Bragantino pelo Campeonato Brasileiro. Além disso, o Grêmio fez um pedido à CBF e está negociando com o Botafogo para que o jogo da nona rodada da Série A, inicialmente marcado para o Alfredo Jaconi, seja realizado no Rio de Janeiro. A mudança visa facilitar a logística, pois enfrentará o Flamengo no Rio de Janeiro no jogo anterior. Apesar da proposta, o Grêmio precisará convencer o seu rival, Internacional, sobre a mudança do local do clássico. O Colorado defende que o jogo ocorra no Rio Grande do Sul, enquanto o Tricolor propõe que ambos os jogos sejam em campo neutro. O Beira-Rio, estádio do Inter, só deve estar apto a receber partidas entre dois a três meses após os danos causados pelas enchentes, o que significa que o clássico do segundo turno, previsto para o início de outubro, deve ocorrer em Porto Alegre.Bahia Noticias

Deixe uma resposta