Em formato acústico, Sued Nunes dá uma versão ‘descalça’ a seu primeiro álbum

Sued Nunes quer que Travessia, seu álbum de estreia, tenha várias travessias. O disco iniciou sua circulação com banda completa em show que passeia pelo samba de roda e chega até o movimento shakestyle do Parangolé. Agora, ela quer colocar os pés no chão. Do jeitinho que fazia quando menina nas ruas da cidade de Sapeaçu, sua terra Natal.

No show intimista acontece no próximo sábado (11), às 20h, no espaço Colaboraê – Rio Vermelho. Os ingressos para o show que Sued promete fazer embalar o batuque dos tambores, a fé ancestral e o encontro das águas do recôncavo ao mar de Salvador estão disponíveis pela plataforma Sympla e custam R$30 mais o valor da taxa cobrada pelo site.

"Travessia Intimista é uma proposta onde a gente traz Travessia em formato acústico, um formato que o público ainda não viu presencialmente. É um formato mais íntimo, mais perto, uma coisa mais descalça pra genter ver o álbum que foi pra rua de outras formas, banda maior, outros elementos. Agora ele vem aterrado de outras formas", conta.

O disco vem fazendo boas travessias: circulou por Salvador e interior. Nas plataformas virtuais, ultrapassou 1,5 milhão de streams. O evento da sexta ainda tem abertura comandada pelo cantor Vitin Gabriel.

"Eu quero muito que a gente viva muitas possibilidades de Travessia. Que a gente faça várias travessias. E essa é mais uma [possibilidade] e eu estou muito ansiosa pra isso", contou a cantora do Recôncavo, com sua característica voz forte do dom de contar boas histórias.

Ouça o disco completo no player abaixo:

Correio 24hs

Deixe uma resposta