Diretora da FBF, Taíse Galvão fala do trabalho no meio do futebol: ‘Desafiador’

Diretora de competições da Federação Bahiana de Futebol (FBF), Taíse Galvão enfrenta desafios diários no futebol, meio predominantemente masculino. A dirigente tem papel ativo na organização dos campeonatos promovidos pela entidade baiana. "Me sinto orgulhosa por estar no meio de tantas mulheres capacitadas na FBF e pela Bahia afora e Brasil afora é uma honra e responsabilidade muito grande. Dirigir um setor onde envolve um esporte predominantemente masculino é algo desafiador diariamente. Para mim é como se fosse uma questão de honra dar o meu melhor para que o melhor seja oferecido e aconteça tanto numa competição, como num conselho técnico e até mesmo numa assembleia como essa de hoje", afirmou em entrevista ao Bahia Notícias. No momento, Taíse está à frente do Intermunicipal. A competição é considerada uma das principais do país de futebol amador. Porém, devido a pandemia do novo coronavírus, a disputa entre seleções municipais não foi realizada em 2020 e 2021. "Como ficamos sem a competição por dois ano devido a pandemia do novo coronavírus e por conta das dificuldades que o próprio futebol teve na sua retomada. Houve uma série de exigências para que uma partida oficial fosse realizada, como testagem. Isso inviabilizou a realização. Mas a retomada desse ano será triunfal", disse. As inscrições do Intermunicipal 2022 estão abertas e terminam no próximo dia 13 de maio. Vale lembrar que desde 2014, os participantes estão isentos do pagamento de taxas. "Tem a chegada de ligas que estavam há anos sem participar, ligas tradicionais estão vindo em massa. Estamos finalizando as inscrições agora no dia 13 de maio para realizar um conselho técnico. Normalmente a gente realiza um congresso, mas dessa vez vamos realizar um conselho técnico para discutir com quem realmente faz o Intermunicipal acontecer, que são as seleções e ligas municipais. A gente espera ter uma conversa bem legal para poder fazer com que o Intermunicipal tenha um retorno positivo e que possa também ter aquela visão de revelar atletas. Essa é a nossa perspectiva mais positiva possível desse ano. Se Deus quiser, vai ser sucesso", comentou Taíse.Bahia Noticias

Deixe uma resposta