Com palestra magna de Gabriela Prioli, OAB inicia II Conferência Estadual da Jovem Advocacia Baiana

A canção "Como nossos pais", composta por Belchior em plena ditadura militar – sucesso na voz da cantora Elis Regina -, ganhou uma interpretação especial na voz da cantora Bruna Rocha, uma das muitas surpresas da cerimônia de abertura da II Conferência Estadual da Jovem Advocacia Baiana, na noite desta quarta-feira (5), no Centro de Convenções de Salvador. O evento realizado pela Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Bahia (OAB-BA), através da OAB Jovem Bahia, reuniu diversas autoridades da área jurídica. Até esta sexta-feira (7), 70 painéis e cerca de 300 profissionais que debatem sobre diferentes temas do Direito devem movimentar o espaço, na capital baiana. A presidente da OAB Jovem Bahia, Sarah Barros, destacou a proeminência e participação ativa da jovem advocacia baiana na OAB. Ela lembrou que o Conselho Consultivo da Jovem Advocacia completou 11 anos e é o mais antigo do país. "Temos o maior Conselho Consultivo do Brasil e nesta semana acabamos de atingir a marca de ter 200 membros", afirmou Barros em seu discurso. "O Conselho Consultivo foi criado para acolher e dar voz e vez aos jovens advogados e jovens advogadas", destacou. O coordenador geral do evento e diretor Tesoureiro da OAB Bahia, Hermes Hilarião – que já foi presidente do Conselho Consultivo, reafirmou o valor da jovem advocacia pelo trabalho exercido na sociedade brasileira. "Que possamos construir uma sociedade justa, igualitária e transformadora. Somos a voz do futuro e a força do presente", disse Hilarião, reafirmando o "vínculo eterno" que possui com a jovem advocacia. Para a presidente da OAB Bahia, Daniela Borges – a quem coube fazer a abertura oficial da Conferência, é importante honrar o legado de conquistas dos antecessores – a OAB Bahia completou 92 anos – sem perder de vista a importância que a advocacia tem na construção de um futuro melhor. "A advocacia é diversa, é plural. Temos o desafio de pensar novas soluções para construir novos caminhos", destacou Borges. PALESTRA MAGNA A advogada, professora e influenciadora digital Gabriela Prioli encerrou a abertura da II Conferência Estadual da Jovem Advocacia Baiana falando para os jovens advogados e jovens advogadas sobre a importância da comunicação. "Todo talento e habilidade não servem para nada se não for bem comunicado", disse. A partir de sua experiência profissional como advogada e também no campo da comunicação como apresentadora de programa televisivo, Prioli destacou o compromisso e credibilidade que todo profissional precisa ter no exercício de seu trabalho. Incentivou os jovens advogados e jovens advogadas a ocupar lugar de fala, ter responsabilidade na preparação dos conteúdos que vão divulgar e a respeitar a audiência – mesmo diante de opiniões divergentes. "As críticas virão e nós precisamos aprender a lidar com elas", comentou a especialista, mestre em Direito Penal pela USP.Fonte: Bahia Notícias

Deixe uma resposta