5 espaços a céu aberto para conhecer um outro lado de Salvador

1. Praça Ana Lúcia Magalhães (no Itaigara)

Praça Ana Lúcia Magalhães (divulgação)

Com um vasto espaço verde, famílias passeando, pets em suas coleiras, pessoas fazendo atividade física e outras apenas contemplando a natureza enquanto estão nos banquinhos, o local chega a lembrar um pouco das sensações do Central Park, em NY.

A praça tem água de coco à venda, restaurantes com açaí e tortas por perto e ainda recebe com constância diversas feirinhas criativas de artesanatos afins. É uma ótima opção para quem deseja um dia mais calmo em um ambiente a céu aberto.

O espaço também oferece opções diversas de entretenimento para toda família, nos finais de semana você pode encontrar brinquedos e guloseimas para crianças, encontros de cachorros e até mesmo atividades em grupo, como aulas de Yoga.

➨ Visitação: A praça está aberta para atividade todos os dias.
➨ Endereço: Praça Ana Lúcia Magalhães – Pituba, Salvador – BA, 41810-800.

2. Parque dos Ventos (Boca do Rio)

Parque dos Ventos (Secom/PMS)

O Parque dos Ventos costumava ser mais voltado para atletas, mas aos poucos foi atraindo crianças, pets, famílias e qualquer um que desejasse um local para relaxar e passear olhando para o mar.

Por lá existem diversas opções de lazer, como muitos brinquedos, área de skate, espaço específico para caminhada, bike, patinação e a lista não para.

Sempre movimentado, o parque também inclui opções como barracas de água de coco, acarajé e alguns ambulantes que dispõem de uma variedade de produtos.

➨ Horário de Visitação: 24h
➨ Endereço: Avenida Otávio Mangabeira, S/N – Boca do Rio, Salvador – BA, 41706-690
➨ Valor do ingresso: entrada gratuita.

3. Vila Caramuru

Vila Caramuru (divulgação)

A Vila Caramuru já é popular pelos amantes da vida noturna da cidade. Antes conhecido como Mercado do Peixe, o complexo de restaurantes passou por uma reforma e ganhou um ambiente muito mais estruturado para oferecer o melhor serviço do Rio Vermelho.

Mas está enganado para quem acredita que o lugar só funciona durante a noite. Os restaurantes já começam a funcionar para almoço e oferecem uma linda vista para quem decide comer por lá. Vista essa, inclusive, que rendem ótimas fotos.

O melhor lugar para fotografar é no estacionamento do local, onde há uma bancada de concreto e algumas pedras onde as ondas batem. Durante o pôr do sol, a vista fica ainda mais especial. Vale levar o seu amor e unir, em um combo, um passeio romântico diferenciado.

➨ Visitação: de segunda à sábado, das 11 às 06h. Domingo, das 12 às 00h.
➨ Endereço: Praça Caramuru, 2 – Rio Vermelho.

4. Base Naval de Aratu

Base Naval de Aratu (Diário de Salvador/reprodução)

O mar da Baía de Todos os Santos é mais uma beleza localizada no Subúrbio. Na realidade, a Base Naval é restrita apenas a militares e convidados, mas em sua fronteira há três praias que valem a pena serem visitadas e fotografadas: Inema, São Tomé de Paripe e Tubarão.

As três estão lado a lado e são conhecidíssimas pelas suas águas cristalinas, principalmente durante a maré baixa. Quem vai até elas na intenção de fotografar ainda pode aproveitar a viagem para aproveitá-las até o pôr do sol, ou ainda atravessar de barquinho até as Ilhas de Maré ou Frades – com destaque à lindíssima Praia das Neves.

Para quem quer curtir bastante a luz natural, aproveitar aspectos da natureza (como pedras, coqueiros e árvores) e pegar diferentes ângulos com o nascer ou a ida do sol, a pedida é certeira.

➨ Endereço: R. Benjamin de Souza – São Tomé de Paripe.

5. Mercado São Miguel

Mercado de São Miguel (Secom/PMS)

Localizado no Centro antigo de Salvador, uma das áreas mais nobres da capital nos anos 50, o Mercado São Miguel, marco da região da chamada Baixa dos Sapateiros desde 1965, foi reinaugurado no último dia 05.

O espaço abre as portas com uma proposta de comércio de rua. O local possui bares, restaurantes, lojinhas de artesanatos, hortifruti e outros. Logo, para quem vai passear, fazer compras ou está simplesmente procurando um local diferente para turistar na própria cidade, fica a interessante proposta.

O espaço foi pensado para movimentar o centro histórico e ser uma opção para as pessoas que visitam os pontos turísticos que ficam na região.

Por ficar em uma região de comércio popular frequentada por muitas pessoas, o mercado possibilita aos visitantes opções de compras e lazer, oferecendo locais para refeições e bares para uma saída ocasional com os amigos.

Como a abertura é recente e o distanciamento social deve prosseguir, muitos comerciantes ainda estão abrindo as portas e ocupando os mais de 40 boxes disponíveis.

➨ Horário de funcionamento: Segunda a Sábado das 10h às 16h.
➨ Endereço: Av. José Joaquim Seabra, 151, Nazaré.

Correio 24hs

Deixe uma resposta