Tags Posts tagged with "Estados Unidos"

Estados Unidos

5606

documentário ‘Whitney’, sobre a vida e a carreira da cantora norte-americana Whitney Houston, teve teaser divulgado nesta sexta-feira (27). O longa-metragem deve chegar aos cinemas dos Estados Unidos em 6 de julho, segundo o jornal Estado de S. Paulo.

A trilha sonora escolhida para o vídeo de dois minutos é a clássica ‘I Have Nothing’, do filme ‘O Guarda-Costas’. São mostradas imagens da infância e do período de fama da artista, além de depoimentos de amigos e familiares.

“Você pode cantor com a mente, com o coração ou com a voz. Ela aprendeu a usar os três”, diz em um dos trechos Cissy Houston, mãe de Whitney.

A cantora foi encontrada morta dentro de uma banheira em 2012. A autópsia indicou que a artista morreu por afogamento acidental após consumo de cocaína.

Estado de S. Paulo

3213

“Ficamos tão machucados, chocados, bravos e desapontados como todo mundo”. O desabafo é de Teresa Robinette, uma das tias dos 13 irmãos que eram mantidos em cativeiro pelos próprios pais, às vezes, amarrados e sem alimentação, dentro da própria casa, em Perris, na Califórnia, Estados Unidos.

Robinette é irmã de Anna Turpin, que está presa desde o domingo (14), quando a filha de 17 anos fugiu e chamou a polícia. Marido de Anna, o engenheiro David Allen Turpin também foi preso sob acusação de tortura dos filhos, que têm entre 2 e 29 anos de idade. Os dois devem prestar depoimento à polícia ainda nesta quinta-feira (18).

A tia contou, nesta quarta-feira (17), que tinha pouco contato com os sobrinhos, mas que sempre os achava “tão magros” quando os via. “Ela [Anna Turpin] ria: ‘Bom, David é tão alto e magro. Eles vão ficar igual a ele'”, lembrou a tia à NBC News, conforme o G1.

Também irmã de Anna, Elizabeth Flores revelou que “implorava para ter contato com os sobrinhos”. Flores, que chegou a morar com a irmã e o cunhado na época da faculdade, não falava com a irmã há dois anos. A relação da duas tampouco era “a de irmãs, há 20 anos”.

Aos sobrinhos, Flores mandou um recado, durante participação no programa Good Morning America: “Queria que soubessem que imploramos, por anos, para falar com eles no Skype, imploramos para vê-los, toda a família”.

Flores também disse que achava os pais muito rígidos com os filhos, mas que, na época, não percebia isso como abuso. “Agora que sou adulta, olho para trás, vejo coisas que na época não via”, confessou. A tia disse ainda que David costumava observá-la tomar banho, quando moravam juntos. “Mas nunca me tocou”.

G1

6536

Com a arrecadação dos primeiros dias do ano, “Star Wars: Os Últimos Jedi” somou US$ 539,4 milhões nos Estados Unidos, superando “Rogue One: Uma História Star Wars” e “O Cavaleiros das Trevas”. Com isso, o filme já é a sexta maior bilheteria de todos os tempos.

O campeão nos Estados Unidos é justamente seu predecessor, “O Despertar da Força” (2015), que arrecadou US$ 936,7 milhões. “Avatar” (US$ 760,5 milhões) e “Titanic” (US$ 659,3 milhões), ambos dirigidos por James Cameron, fecham o pódio.

À frente de “Os Últimos Jedi” também estão “Jurassic World” e “Os Vingadores”.

Folhapress

6373

Após algumas fotos nas redes sociais, o cantor Kevinho e a youtuber Flavia Pavaneli assumiram o relacionamento na noite dessa terça-feira (26). Embora muitos seguidores do casal tenham aprovado a união, a opinião não é unânime. Biel, funkeiro que agora vive nos Estados Unidos e trabalha para repaginar sua imagem, decidiu ironizar o romance. “Alguém pode me dizer por que isso é tão engraçado?”, questionou, em inglês. O comentário foi feito em uma foto compartilhada por um amigo do novo casal.

Sem deixar barato, Kevinho revidou: “Você não cansa de fazer merda pra se afundar sozinho? Vou te mostrar como deve se tratar uma mulher e como se faz um hit”, escreveu, usando ainda a hashtag “difunto”. Biel viu sua carreira desmoronar, em junho do ano passado, após assediar uma jornalista durante uma coletiva de imprensa . Quando o episódio aconteceu, o jovem de 21 anos estava despontando com a canção “Química”. Já Kevinho, que ganhou maior fama com “Olha a Explosão”, um dos hits do Carnaval deste ano, vem somando sucessos no cenário do funk nacional.

A discussão incomodou ainda a modelo Duda Castro, atual namorada de Biel. Também no Instagram, ela saiu em defesa do amado e acusou Flavia de correr atrás dele. “Vamos ficar no mesmo nível que você [Kevinho] e do que você chama de arte e apontar os fatos direito”, começou Duda, em inglês. Ela disse que o comentário de Biel foi incompreendido, inclusive por Kevinho. “Primeiro o estilo de roupa, depois o cabelo e agora a ex? É engraçado, mas no fim do dia são só negócios, certo? Até semanas atrás, sua namorada não parava de mandar indireta por vídeo no Youtube para o meu namorado e claro que não devemos deixar de comentar sobre os Snapchats enviados quando ela estava comprometida com outro e ainda falava pra amigos nossos o quanto ela ainda amava o Biel… e não vamos esquecer as 500 mil mensagens completamente ignoradas”, continou Duda. A garota disse ainda que até outro dia Kevinho “pedia bença” e chamava Biel de ídolo. Por enquanto, Flavia não se pronunciou e a discussão parece ter chegado ao fim.

Bahia Notícias

2767

Um estudante de 22 anos da cidade de Austin, Ohio, Estados Unidos, foi preso ao tentar, pela internet, trocar um prato de macarrão Alfredo e uma Sprite por sexo com um menor de 15 anos. No entanto, quem estava por trás do adolescente era um policial.

Albert Maruna disse durante o bate-papo que a pouca idade do falso menino não seria um empecilho para um “relacionamento íntimo”, segundo a emissora WKBN-TV. Logo depois, o rapaz mandou fotos nuas e pediu que o garoto fizesse o mesmo. No entanto, o pedido não foi atendido.

O policial, então, marcou um encontro com o rapaz. No local, ele estaria esperando o falso garoto com o macarrão e a Sprite. Ao chegar lá, ele foi preso por assédio sexual. O rapaz negou todas as informações.

Informe Baiano

158

Os Estados Unidos e o Líbano enviaram mensagens de apoio à soberania e estabilidade libanesa em meio uma crise diplomática entre o país e Arábia Saudita.

O governo local vive uma crise política desde que o primeiro-ministro Saad Hariri anunciou, da capital da Arábia Saudita, Riad, que estava renunciando ao cargo.

Autoridades libanesas insistem na volta de Hariri ao país, dando a entender que ele pode estar sendo mantido em Riad contra sua vontade.

Em um comunicado divulgado neste sábado, a porta-voz da Casa Branca, Sarah Huckabee Sanders afirmou que Washington pediu a “todos os estados que respeitem a soberania, independência e o processo constitucional do Líbano”.

Já a agência de notícias oficial do Líbano divulgou uma mensagem do presidente francês Emmanuel Macron, na qual ele garante ao governo local o compromisso da França com “a união, soberania e independência” do Líbano.

Varela Notícias

349

Taylor Swift fechou uma enorme ação de marketing para o lançamento de seu mais novo disco, “Reputation”, que sai na próxima sexta-feira (10). Na ocasião, o álbum, que conta com 15 faixas, será tocado na íntegra em 126 estações de rádio nos Estados Unidos. Isto porque a cantora pop firmou um acordo com o grupo iHeartRadio, conglomerado que integra tais emissoras. De acordo com informações da mídia americana, a partir da meia-noite de sexta-feira (10), as rádios vão tocar uma música a cada hora, acompanhadas de uma introdução na qual a cantora comenta o processo criativo da faixa.

Nesta terça-feira (7), Taylor Swift publicou no Instagram uma imagem com a ordem das canções do disco, confira:

Bahia Notícias

    142
    Presidente pedirá para o Congresso começar “imediatamente” a trabalhar para encerrar a chamada “loteria de vistos”, que beneficiou o autor do atentado da última terça-feira, em Nova York

    presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pedirá para o Congresso começar “imediatamente” a trabalhar para encerrar a chamada “loteria de vistos”, que beneficiou o autor do atentado da última terça-feira (31) em Nova York, Sayfullo Saipov.

    “Tomarei todas as medidas necessárias para proteger nosso povo”, garantiu o magnata, que chamou o agressor de “animal”. Trump também disse que estudará a possibilidade de mandar Saipov para a prisão de Guantánamo, alvo de denúncias de violações de direitos humanos e a qual Barack Obama tentou fechar, sem sucesso.

    ANSA.

    119

    Para conter mortes por overdose de medicamentos e heroína, os Estados Unidos planejam incentivar o uso de drogas do tipo opioides menos nocivas, como metadona e buprenorfina, entre os americanos que passaram por uma oversose não letal. As informações são da agência Reuters.

    Sem a indução de abstinência, essas drogas podem ser usadas na transição para o tratamento de abstinência de drogas mais fortes, como o OxyContin — o derivado do oxicodona, análogo sintético da morfina usado para dores crônicas fortes.

    A iniciativa é consistente com políticas de redução de danos — que defendem que a substituição de substâncias ajudam a diminuir o uso. A defesa da política, feita pelo FDA (orgão americano equivalente à Anvisa) na quarta-feira (25), é polêmica e pode gerar reações entre os defensores de políticas de abstinência.

    O uso de drogas como o OxyContin e heroína têm levado a uma crise de saúde pública nos Estados Unidos. O uso de opioides no país causam um’11 de Setembro’ em mortes a cada três semanas, ceifando a vida de 142 americanos por dia.

    Gottlieb foi chamado à Câmara de Deputados americana para prestar depoimento nos esforços para o combate do problema. A transcrição do depoimento foi divulgada pelo FDA.

    Medidas duras

    No depoimento, Gottlieb disse que as medidas do FDA serão “duras” — o que pode incluir educação mandatória de médicos e restrições severas na prescrição. Para Gottlieb, a prevenção também não será suficiente — e, por isso, defendeu o uso de drogas menos nocivas.

    Gottlieb citou dados do estado de Massachusetts que mostraram uma redução de mais de 50% no risco de morte por sobredosagem entre aqueles tratados com metadona ou buprenorfina após uma overdose, informa a Reuters.

    De acordo com a agência, o plano de Gottlieb reflete sua recente proposta de reduzir a nicotina nos cigarros, ao mesmo tempo que amplia o acesso a dispositivos de entrega de nicotina potencialmente menos prejudiciais, como os cigarros eletrônicos. Ambas as propostas abrangem uma abordagem do abuso de substâncias que visa reduzir o dano ao invés de insistir na abstinência completa.

    O presidente Donald Trump deverá declarar a epidemia de opiáceos uma emergência nacional esta semana, dois meses depois de declarar sua intenção de fazê-lo. Não está claro se tal declaração será acompanhada por mais fundos para resolver o problema, diz a Reuters.

    O FDA também emitirá orientação para os fabricantes de medicamentos para promover o desenvolvimento de novos tratamentos que não induzam dependência, informa a agência. O interesse da agência é em produtos inovadores que não deflagrem abstinência.

    Diferença entre dependência física e vício

    O representante do FDA também defendeu a redução do estigma entre aqueles que precisam da droga, muitas vezes durante a vida inteira, para conter um problema de saúde.

    “O estigma reflete uma visão que alguns têm; que um paciente ainda sofre de dependência mesmo quando está em plena recuperação, apenas porque eles precisam de medicação para tratar sua doença”, disse.

    “Essa atitude revela uma interpretação errada da ciência. Isso decorre de um mal-entendido fundamental que muitos de nós temos, da diferença entre uma dependência física e um vício.

    Mesmo um paciente com câncer, diz ele, que requer tratamento a longo prazo para o manejo adequado da dor metastática, desenvolve uma dependência física da medicação opióide.

    “Isso é muito diferente de ser viciado”, conclui.

    G1

      441
      História de “conto de fadas” teve início em 2005

      Anorte-americana Ariana Austin viveu uma história de amor parecida com a de um conto de fadas. Há 12 anos, ela conheceu um rapaz em uma discoteca de Washington, nos Estados Unidos, e descobriu que ele era príncipe de verdade, com título real.

      A dupla se casou no mês passado. Joel Makonnen estava na balada com os amigos, quando cruzou com Austin na pista de dança. “Eu disse: ‘Olá, meninas. Vocês se parecem com as modelos do comercial da Bombay Sapphire”, contou Makonnen para jornais dos EUA, relembrando aquela noite de 2005.

      O jovem de 23 anos preferiu esconder de Austin sua verdadeira identidade e tentou impressioná-la com seus conhecimentos sobre história. “Ele falou sobre temas pesados, apesar de ser jovem. Mencionou a revolução pela qual a Etiópia passou”, confessou a mulher.

      Conhecido como príncipe Yoel, Makonnen nasceu em Roma, na Itália, mas foi criado na Suíça durante o período em que seus pais, o príncipe David Makonnen e a princesa Adey Imru Makonnen, viveram no exílio. A família foi expulsa da Etiópia em 1974, após uma guerra colocar fim ao reinado de seu avô. Com informações da Ansa.

      Notícias ao Minuto